E Campel
O amor incondicional na visão do iluminismo poético
CapaCapa
Meu DiárioMeu Diário
TextosTextos
ÁudiosÁudios
E-booksE-books
FotosFotos
PerfilPerfil
Livros à VendaLivros à Venda
PrêmiosPrêmios
Livro de VisitasLivro de Visitas
ContatoContato
LinksLinks
Meu Diário
29/10/2019 18h32
O FIO DA VIDA

 O FIO DA VIDA

Eletricidade perfilada...
Fonte que inspira sintonias...
Das Escolas da vida! Vidas!
Heranças adquiridas! Prometidas!
Esperanças conhecidas!

O que depura o consciente....
Vem da brandura do inconsciente...
Providências que reinam sempre!
Da ordem certa que vem!
Saberes! Luzes! Tudo muito bem!

Faz a agnada o vôo da águia...
Veleja no barco da luz assistida...
Dos grandes mistérios da salvação!
Onde os Anjos sempre estarão!
Pelos os poderes de Deus! Do Perdão!

Por isso tudo pode...
É fio de ouro platina dourado!
Com todos proventos de ensinamentos!
Dos sonhos queridos vividos!
De puros momentos merecidos!

O etário da paz com certeza se faz!
Labutando nas cortinas dos tempos!
Decifrando o simples viver de amor!
Para sempre saber multiplicar!
E eternamente consegui irradiar!

Afinal, é o fio da vida!
Tem mantos que sempre encantam!
Mãos que proclamas alcançam!
Pra alimentar o próprio sol do altar!
Do espirito que sábio sabe ofertar!

Luzes de CARIDADES!

***Foto do Google***


Publicado por E Campel em 29/10/2019 às 18h32
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (E Campel e o site ecampel.com). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
 
29/10/2019 18h15
SAUDADES NA LUZ DO TEMPO

SAUDADES NA LUZ DO TEMPO

Descendendo as escadarias vi a rua antiga...
Quando criança corria sorrindo com alegria...
Encontros e recortes de doces amizades...
Sorria cantando na mais pura sintonia!
Do amor sagrado que pouco saberia! 
SAUDADES NA LUZ DO TEMPO! Imaginaria!

Sonhar com as intuições eternamente!
Plantando a boa semente pra sempre!
Com os floreios dos perfumes atraentes!
Sorrisos que singelos chegaram! Iluminaram!
Abraçando a alma querida! Ressuscitaram! 
SAUDADES NA LUZ DO TEMPO! Saudaram!

Em cada esquina brilharam as luzes benditas!
Afinal o tempo ordeiro se fez cajado multicor!
Quantas páginas! Quantos dias!
Porque o reino dos céus tem muito amor!
Luz do luar! Castelos! Impérios! Vida! Flor!
SAUDADES NA LUZ DO TEMPO! Valor!

Lírios! Orquídeas! Tulipas! E sementeiras!
Mantos das relíquias mais felizes e singelas! 
Modos operandes! Letras mais belas!
Pra ofertar esse dom teleguiado e divino!
Predicado manto jus guiado conhecido!
SAUDADES NA LUZ DO TEMPO! Merecido!

***Foto da Autora***


Publicado por E Campel em 29/10/2019 às 18h15
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (E Campel e o site ecampel.com). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
 
29/10/2019 18h02
ENERGIAS ESPECIAIS

ENERGIAS ESPECIAIS

Sol Estrela que ilumina purifica a Terra...
Faz o dourado laranja o cajado esmeril...
Mãos sagradas se chegam acariciando!
Pelos dias consagrados decifrando!

Múltiplas ordens se agigantam!
Beneplácitos dons se multiplicam!
Clarins tocam os nossos sentidos!
Pelas fontes dos segredos consentidos!

Tudo paira nas fronteiras do Tibete!
Logo vibra desfilando na China!
Ponto vernal! Magistral!
Ofertado pelo reino do céu imortal!

Sendas! Milagres! Vozes cantorias!
Soletras formas da sintonia imaginar!
Tudo assistido pelo poder infinito!
Garantido nesse universo bendito!

Ah! Nesse manto de real sabedoria!
Desejo fazer singelas reverências!
Pedindo pela humanidade clemência!
E sentir ENERGIAS ESPECIAIS! Essências!

Amém!

***Foto da Autora***


Publicado por E Campel em 29/10/2019 às 18h02
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (E Campel e o site ecampel.com). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
 
29/10/2019 17h36
O PONTO VERNAL DO SOL

O PONTO VERNAL DO SOL

Oh! Ponto vernal do Sol! 
Mostra a luz da sagrada sabedoria...
Canta os encantos da harmonia!
Decifrando essa pura sintonia!

Oh! Ponto vernal do Sol...
Irradia os mistérios da vida...
Transformando nessa Paz de poder!
Pelos dons consagrados de viver!

Aqui tem segredos multicores!
Auspícios da região do Tibete!
Nos versículos do lado da China!
Pra daqui 150 Anos fazer a rima!

Pode acreditar! São raízes! Vozes! Vidas!
Sapiências das matrizes que alumiam!
Como feches que os raios anunciam!
Premiando o encanto de AMAR!

***Foto do Google***


Publicado por E Campel em 29/10/2019 às 17h36
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (E Campel e o site ecampel.com). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
 
22/10/2019 17h55
O CANTAR DO PASSADO

O CANTAR DO PASSADO

Sempre bem vindo serás...
Desmontas recordações tão belas...
Fazes as cores azuis das aquarelas...
Pra perfumar essa Flor que mui se inspirou!

Oh! Como plumas macias acaricias...
Numa beleza sadia de conto de fadas...
Portfólio lembrado estilo de primor...
Pura cantiga de brilho que veio e ficou!

Modos operandos! Sonhos! Avion! Voou!
Com os céus estrelados cheio de amor!
Para traduzir esse dobrado de jasmins!
Pelo encanto do porvir dos tempos sem fins!

São tradições! Quiçá espelhos! Missões!
Emoções que se mostram irradiando a luz!
Valores que fazem o grande poder!
Por esse brio de amor que vejo em você!

Ah! O cantar do passado!
Mensurado doce encanto de reviver!
Agraciado meio transformação do saber!
Pelo esteio dessa emoção conceber
!

***Foto da Autora***

 


Publicado por E Campel em 22/10/2019 às 17h55
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (E Campel e o site ecampel.com). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.



Página 1 de 316 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 » [próxima»]

Site do Escritor criado por Recanto das Letras